13 outubro

Natalinas 3

Comentários

Uma guirlanda de pompons para um Natal com jeito de festa de criança. O modo de fazer é fácil. Mas é preciso uma dose de perserverança para não desisitir no segundo pompom – a parte, digamos… mais terapêutica desse projeto. Fazer pompons pode ser muito relaxante. Recomendo que, como temos bastante tempo até o Natal, você faça um ou dois por noite. Se estiver em um dia glorioso, de paciência monástica, aproveite para fazer logo uns quatro. Ou, então, convoque ajudantes. Aliás, uma maneira bem democrática (e divertida) de fazer uma guirlanda natalina. Para cada pompom você vai precisar de uma quantidade considerável de sobras de lã. Caso contrário, recomendo que você compre uns cinco novelos de lã mais grossinha nas suas cores favoritas. Dei um google para aprender a fazer o "pompom perfeito" e encontrei uma mocinha muito simpática que deu a seguinte dica: enrole umas 100 voltas de lã ao redor de quatro dedos da sua mão. Depois amarre bem amarrado no centro com um fio de lã da mesma cor. Corte as duas pontas e comece a tosar o pompom até o formato e a espessura desejados. Quanto mais cortar, mais fofo e "perfeito" seu pompom ficará. Pompons prontos, é hora de colar cada um deles (usei cola quente) sobre um bastidor de bordado feito de madeira. Se quiser adicionar um mimo extra, como a flor de madeira + as folhagens de aquário que aparecem na imagem acima, fique à vontade. Arremate o trabalho com uma fita para pendurar a sua guirlanda e agradeça a você mesma por ter feito um trabalho tão lindo.

comentários