03 outubro

Natalinas 2

Comentários

O panetone já está empilhado sobre o piso do supermercado do bairro. Ainda não é Natal. Mas talvez os fabricantes pensem: e se der vontade de comer um bom pão doce rechedo com frutas cristalizadas antes de dezembro? Ok, eles podem simplesmente querer vender panetones durante três meses em vez de concentrar as vendas apenas na época das festas… A questão é que, por aqui, também adiantamos os trabalhos, mas com outro propósito: ter tempo para fazer aquilo que você deseja, ano após ano, e nunca dá tempo de realizar. O primeiro post desta serie foi sobre um mimo especial para os seus queridos. Hoje, o tema é a festejada guirlanda em uma versão simplificada e linda.

Cada vez mais gosto das coisas de aparência singela, feitas com capricho extremo. Para esta guirlanda, você vai precisar de um círculo feito com um fio de arame + um metro de fios de ráfia enroscadinhos + uns ramos da flor mais delicada que encontrar no mercado + uma pinha. O segredo do sucesso está na escolha da flor. A que aparece na foto acima foi garimpada no Uemura. Ela é quase uma flor seca, pincelada com tinta lilás, mas com hastes ainda flexíveis, boas para serem trançadas no arame encapado com a ráfia. Boa pedida para quem tem espírito natalino, mas deseja escapar dos clichês decorativos desta época do ano.

comentários